MULHER

A condição social da mulher no AT é bastante má (Lv 27,3s; Gn 16,1-14; 30,1-4; 24,16-30; Nm 27,1-10; Dt 22,23-29).

A literatura sapiencial reconhece-lhe, contudo, alguns valores (2Sm 11,1-5; Ez 24,15-18; Eclo 36,23-27; Pr 5,15-18; 12,4; 31,10-31).

Certas atitudes de Cristo manifestam a vontade de libertar a mulher da sua condição (Lc 8,1-3; 10,38-42; Jo 12,1-8). Assim, as mulheres vão tomando importância no NT (1Cor 7,3-5; 11,11s; Jo 20,1-7; Rm 16,1s.6.12; At 5,14; 16,13-15; Fl 4,2s).

O Evangelho de Lc preocupa-se por dar relevo às mulheres na vida de Cristo (Lc 7,36-50; 8,1-3; 10,38-42; 18,1-6).

Proclama-se a igualdade radical entre homem e mulher (Gl 3,28; Gn 1,27), contudo, mesmo no NT, em alguns aspectos, a mulher é vista à luz da sociologia judaica (1Cor 11,2-12; 14,34s; 1Tm 2,11s).

Livros recomendados

Visite a livraria

image

Do Comunismo

image

Catena Aurea – Vol. 1 – Evangelho de São Mateus

image

A Inquisição – Um Tribunal de Misericórdia

image

1964 — O ELO PERDIDO – O Brasil nos arquivos do serviço secreto comunista